Orquídea Phalaenopsis – Orquídea Mariposa (Guia para iniciantes)

A orquídea Phalaenopsis é uma das mais populares e mais fáceis de se cuidar.

Elas são facilmente encontradas em floriculturas ou supermercados, e quase sempre com preços bem acessíveis.

Além disso suas flores duram meses e as plantas podem ser mantidas por anos, reflorescendo muitas vezes.

Instruções Básicas para cuidar de orquídeas phalaenopsis

Aqui está um breve resumo dos cuidados a se ter quando cultivarmos a phalaenopsis

  1. Luminosidade – As orquídeas Phalaenopsis não precisam de muita luz para crescer bem.
    É preciso ter cuidado e não expô la diretamente ao sol por muito tempo.
    Fornecer um pouco de sombra como uma cortina transparente é uma boa opção.
  2. Rega – Não regue sua Phalaenopsis com muita frequência, geralmente elas exigem rega uma vez a cada 4 a 7 dias.
    Lembre se de regar apenas as raízes, não molhe as flores ou folhas.
    Use um vaso bem drenado nunca deixe sua orquídea ficar na água por muito tempo.
    Muito mais orquídeas morrem por excesso de água do que por falta dela.
  3. Fertilizante – Use fertilizante solúvel em água preferencialmente, lembre se de fertilizar a cada 1 – 2 semanas, mas não durante a fase de floração.
    Uma boa opção é usar uma solução fraca de fertilizante semanalmente ao invés de usar uma solução forte com menos frequência.
  4. Umidade – As orquídeas Phalaenopsis são de crescimento monopodial sem pseudobulbos para ajudar a armazenar umidade.
    Logo é importante fornecer boa umidade, já que elas vivem em condições muito úmidas na natureza.
    A maioria das orquídeas phalaenopsis possui niveis de umidade entre 50% – 100%

Dicas Gerais para um bom cultivo

Orquídeas Phalaenopsis saudáveis ​​devem ter folhas verdes brilhantes

As folhas vão dizer muito sobre a saúde geral da orquídea, as folhas devem ser brilhantes e com uma cor verde intensa e vibrante.

As vezes você pode encontrar algumas folhas amarelas ou murchas, mas isso não é necessariamente uma coisa negativa.

Pois é normal que a orquídea priorize a saúde das folhas superiores e mais jovens.

Se as folhas tiverem manchas amarelas ou marrons, isso pode ser sinal de rega insuficiente ou excessiva.
Pode ser também um sinal de doença ou deficiência de nutrientes.

Verifique as raízes de sua Phalaenopsis

Raízes saudáveis são muito importantes para a maioria das plantas, e as orquídeas não são exceção.

As raízes saudáveis das orquídeas phalaenopsis devem ser grossas e firmes ao toque, elas podem ser de várias cores, como; branco, prata, verde ou amarelo pálido.

Raízes pretas que parecem macias ou moles são geralmente um sinal de excesso de rega ou doença

Raízes escamosas normalmente indicam uma planta desidratada.

Então lembre se de verificar as raízes levantando as laterais do vaso para garantir que elas pareçam vibrantes e saudáveis.

Avalie sempre as flores e botões da orquídea

As phalaenopsis geralmente florescem por vários meses, se você escolher uma no início da fase de floração poderá desfrutar por um longo período de lindas flores.

É uma boa idéia escolher uma com um caule longo, mas com apenas algumas flores e muitos botões esperando para se desenvolver.

Sinais que sua orquídea precisa ser regada

Você precisará observar sua orquídea individualmente quanto a sinais de que ela precisa ser regada. Aqui estão dois bons métodos para verificar se a sua orquídea precisa ser regada.

  • Verifique o peso – Manualmente ou usando balanças, você pode pesar a orquídea e o vaso quando estiver seca.
    Você saberá rapidamente apenas levantando o vaso se a planta precisa ser regada.
  • Testando a mistura de envasamento com o dedo ou um espeto – Você pode enfiar um dedo no solo e saberá se a polegada superior está mais ou menos seca, indicando que a rega é provavelmente necessária.
    Você também pode utilizar um espeto de madeira e cutucá-lo cuidadosamente através do meio de envasamento até a base do vaso, caso o espeto esteja seco ao removê-lo, a orquídea precisa ser regada, se estiver úmido, não.

Fertilizando uma orquídea Phalaenopsis

Uma orquídea saudável se beneficiará muito com a adição de fertilizante, mas a adição de fertilizante não corrigirá a maioria dos problemas.

Você deve usar apenas um fertilizante formulado especificamente para orquídeas, além de ser recomendado usar uma fração reduzida com mais frequênia, em vez de usar um maior volume com menor frequência.

Isto é principalmente devido à natureza do meio de crescimento. Elas não retêm umidade e nutrientes, assim como o solo; portanto, a aplicação regular de nutrientes será mais benéfica para as suas orquídeas.

O fertilizante específico para orquídeas também conterá uma variedade de micronutrientes aos quais as orquídeas não teriam acesso, devido ao crescimento em meios de drenagem bastante inertes e rápidos. 

Conclusão

Esperamos que você tenha gostado dessas informações sobre como cuidar de orquídeas phalaenopsis.
Se você tiver alguma dúvida ou tiver problemas para cuidar da sua phalaenopsis nos envie um comentário ou use nosso formulário de contato.

Artigos Relacionados

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *